segunda-feira , 11 dezembro 2017
Página principal / Notícias / Polícia flagra ‘gato’ de energia em loja de carros de luxo em Vitória

Polícia flagra ‘gato’ de energia em loja de carros de luxo em Vitória

Segundo a EDP Espírito Santo, equipe constatou fraude no medidor de energia elétrica. Responsável foi encaminhado para a Delegacia Patrimonial

O responsável por uma revenda de carros de luxo, localizada em frente à Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes), foi detido na manhã desta quinta-feira (3) por, segundo a EDP Espírito Santo, furto de energia no estabelecimento.

A inspeção foi realizada pela Polícia Civil e técnicos da EDP. Lá, a equipe encontrou uma fraude no medidor de energia elétrica, caracterizando furto. Foi constatado pela EDP que, de toda energia consumida, só uma parte era paga pelo proprietário da revendedora.

O responsável pelo estabelecimento, que estava no local, foi conduzido para a Delegacia de Segurança Patrimonial, em Vitória. O site G1 ES tentou entrar em contato com a revendedora, mas as ligações não foram atendidas nesta manhã. A polícia foi demandada, mas ainda não respondeu sobre o caso.

Segundo a EDP Espírito Santo, além do processo criminal, os responsáveis pelo estabelecimento irão arcar, conforme a regra da Resolução ANEEL – Agência Nacional de Energia Elétrica, com a cobrança de toda energia não faturada durante o período da irregularidade e o custo administrativo.

roubo_energia_revendedora_03_08_2017-5224125

Crime

O furto de energia é crime previsto no Artigo 155 do Código Penal Brasileiro, que dispõe: “Subtrair, para si ou para outrem, coisa alheia móvel: pena de reclusão, de 1 (um) a 4 (quatro) anos, e multa”.

A EDP Espírito Santo alerta que, ao contrário do que muitos imaginam, o furto de energia elétrica não traz perdas apenas para a Concessionária. Os maiores lesados são os próprios consumidores.

“Como a tarifa abrange também as perdas elétricas, o custo da energia usada irregularmente pelas pessoas que cometem esse crime é parcialmente repassado a todos os usuários da rede”.

O furto de energia, além de ser uma prática perigosa, pode provocar sobrecarga na rede elétrica com prejuízo para a população que sofre com a falta do fornecimento em suas residências e ruas ou, por exemplo, com danos aos equipamentos elétricos e ainda devido à queda na qualidade da energia.

A EDP Espírito Santo pede que a população contribua e denuncie ligações irregulares. Para isso, disponibiliza canais de atendimento, como o Call Center (0800 721 0707), as Agências de Atendimento ao Cliente e o site www.edp.com.br O sigilo é total e a inspeção é realizada com a máxima urgência.

Fonte: Gazeta Online

Veja Também

i4zago3cztbobw45hzw5rmiz2043323

Pastor retira boneca afro em creche de Vitória e diz ser ‘símbolo de macumba’

O pastor João Brito, da Igreja Evangélica Batista de Vitória, pediu que um painel feito ...